Seguidores

segunda-feira, 8 de julho de 2013

Lágrimas de uma solidão...!!!



Poeta Cigano

Lágrimas choro, vivo eu a minha dor,
Olho distante e ao longe, ela não vejo,
Será que fui eu só paixão e não amor,
Um objeto tão somente, de seu desejo?

Silente, triste ouço a sinfonia do vento,
Meu coração perscruto, o meu interior,
Ora, um vilão sou eu do amargo tempo,
Tempo esse, que ignora o meu, clamor!

Em meu sombrio castelo eu me recolho,
Onde súdito sou, do meu próprio, “eu”,
Ali me refugio, me asilo, fico de molho,
Num dantes belo reino, ora feio, e meu!

Quando chega a fria madrugada e forte,
Sem agasalho e solitário, eu me arrepio,
Não poderia me dar a vida melhor sorte,
Meu coração preenchendo ora tão vazio?

“Poesias do Poeta Cigano”


(Cantinho do Poeta Cigano)



31 comentários:

Ricardo- águialivre disse...

MARAVILHOSO ... SUBLIME

Dilmar Gomes disse...

Eis um poema bem lapidado, amigo Carlos.
Um abraço. Tenhas uma ótima semana.

Elisabete disse...

Um poema com sentimentos profundos. Gostei.
Um abraço de Portugal

Marli Terezinha Andrucho Boldori disse...

Olá vim visitar seu espaço, vi seu endereço no Pena de Ouro.Maravilhei-me com seu poema e rima. Voltarei para ler mais ,por aqui. Grande abraço!

Lindalva disse...

Mais um escrito saído de um coração cigano. Olá meu amigo começou a segunda fase do Pena de Ouro, hora de agitar os internautas para mergulhar na poesia.

Evanir disse...

Todos os dias Deus nos dá um momento em que
é possível mudar tudo que nos deixa infeliz
e tristes.
Para isso precismos ter esperança e acima de
tudo muita fé .
Com esperança e fé tudo pode mudar dentro de nos
as coisas boas começa acontecer mudando toda nossa existência.
Esse é um instante mágico quando passamos a ter fé porque Deus
vem habitar dentro do nosso coração.
Carinhosamente : desejo uma semana abençoada.
Beijos no coração,Evanir.
Poeta demorei mais coloquei o premio , que me deites no meu blog.

IldaCarol disse...

Amigo poeta, sobre....Coraçao vasio....
do seu belo poema.

Bom mesmo é ter problema na cabeça,
sorriso na boca e paz no coração!

Aliás, entregue os problemas nas mãos de Deus
e que tal um cafezinho gostoso?

A vida é uma peça de teatro que não permite ensaios.
Por isso cante, chore,dance e viva intensamente antes
que a cortina se feche! Amei sua visita e música.
Arnaldo Jabor

Sua amiga Carol, deixa um abraço.

Néa Souza disse...

Olá, como vai?? vim retribuir sua visita tão carinhosa. Adorei o blog e o poema muito lindo. Também sou educadora e sei como nossa arte é árdua, porém muito gratificante. Até breve.

Carolina disse...

Querido poeta de a emocao,
amo seus poemas cheios de pasion, amor e dor... meu coracao bate mais forte por seu lirismo perfeito, arrasador.
Abracos, querido amigo.

Meu Mundo Meu Quarto disse...

Fico feliz que tenha gostado do meu blog. Volte sempre que quiser :)

Ritinha disse...

Bom dia!!!
Passei pra conhecer, mas gostei e resolvi ficar.
Adorando navegar por aqui, aos poucos descobrir a sua essência, nas palavras bem escritas em poemas tocantes como esse que acebi de ler e o anterior a esse.
$uce$$o, grande beijo
Ritinha

Ivone disse...

Lindo blogue, poema maravilhoso!
Abraços!

Lane disse...

Olá Carlos, obrigada por sua visita, estou te seguindo. Ótimo blog, vi que você defende muitas causas e que você é flamenguista (eca kkkk), vai jogar aqui na minha terra essa semana com o ASA. Linda poesia mesmo triste.. creio que a solidão é o mais triste dos sentimentos e tão temida quanto a morte por muitos.
bjs

Coruja Essência

Arione Torres disse...

Oi amiga, vim lhe desejar uma ótima semana, abraços!

Márcia Rocha disse...

Arrasando sempre em seus textos meu Amigo... LINDO D+
Beijos Márcia (Rio de Janeiro - Brasil)

http://decolherpracolher.blogspot.com

A melhor parte da vida de uma pessoa está nas suas Amizades.
(Abraham Lincoln)

Angela Cristina disse...

Olá Carlos. Conquistar amizades assim com a sua é para mim com certeza um garimpo com uma pedra preciosa no final!! Admiro pessoas assim tão completas de sentimentos. Parabéns pelo lindo poema, pelo blog em si...
Um grande abraço com todo carinho

Sonhadora (RosaMaria) disse...

Meu querido amigo

Como sempre um belo momento de poesia...um lamento lindo de amor que adorei como sempre.

Deixo um beijinho e agradeço as palavras lindas que me deixa sempre.

Sonhadora

Ana Valéria disse...

Lindo texto.
Obrigado pela visita.
Ana

Donnefar Skedar disse...

Não se pode falar muito sobre algo que é maravilhoso, o silencio é apenas continuação da admiração. Parabéns.

Don
http://donskedar.vlogspot.com

Lindalva disse...

Amigo Poeta faltam 2 dias para o encerramento da 2ª fase do Pena de Ouro, no que das 10 poesias que estão em votação, as 5 mais votadas irão para a semifinal. Está difícil esta fase, pois 7 se encontram empatadas, veremos como fica até a meia noite do dia 13. E domingo mais uma festa de encerramento. VAMOS MERGULHAR NA POESIA – CHAME SEUS AMIGOS PARA VOTAR. Beijos perfumados no coração (desculpe o Spam, mas durante a semana o tempo é curtíssimo)

Malu Silva disse...

FELIZ daquele que consegue chorar diante dos sentimentos que aforam... muitos estão de almas secas e carcomidos pelas agruras da VIDA!!
Lindo e sentimental poema. Abraço

Eu...Suzana disse...

Uma tristeza que sai da alma em forma de lindas rimas. Amei! Beijos e abraços meu amigo.

Rita disse...

sabedoria na hora de escrever um
belo poema se é triste ou cheio de amor, tudo sai de dentro do coração
e esse como sempre ficou perfeito
Abraços com carinho
Bjuss
Rita!!!

Fernanda Oliveira disse...

Olá amigo Carlos!
Sem o nosso ser amado, nos sentimos assim... Em madrugadas frias, sem o calor do amor... sem agasalho, parece que nosso coração fica em retalhos.

Belo poema!

Obrigada pela visita amigo, gostei muito!

Beijos! Fernanda Oliveira

Fátima Oliveira disse...

Oi Carlos, adoro chegar aqui e me emocionar com seus versos cheios de sentimentos, e o tema solidão sempre nos comove.
Adorei sua visita lá no meu jardim, você é sempre muito bem vindo.
Beijos!

Beatriz Bragança disse...

Caro Poeta
O seu poema é todo ele uma emoção. Lágrimas vertidas pela solidão provocada por alguém que nos deixou!
É muito romântico,muito dolorido,mas muito belo.Ficamos com o nosso coração partido quando o nosso amor nos deixa...mas os seus leitores ficam contentes com a beleza da sua tão poética descrição.
Hoje estou particularmente alegre ,porque a nossa querida amiga Anna Lieri me colocou no Blog Recanto dos Autores
http://recantodosautores.blogspot.com.br/2013/07/ternura.htlm
Bom fim de semana.
Um abraço da
Beatriz

Fernanda Oliveira disse...

Amigo Carlos agradeço o carinho da visita. Fui lá e votei sim, sua poesia é linda. Parabéns!

Beijos!

Fernanda Oliveira

ReltiH disse...

POESÍA MUY TRISTE, AMIGO.
UN ABRAZO

Nal Pontes disse...

Vim aqui te desejar um dia maravilhoso. Um abraço

Lucinha disse...

Carlos,

É sempre bom vir aqui, e ler seus lindos poemas.

A solidão é minha companheira. Rs

Estava com saudade do gatinho Barnabé, e vim vê-lo.

Abraços

LUIZ EUGÊNIO - E COMPOSITORES disse...

Você faz parte deste universo

FALEMOS DA ARTE E DA ESSÊNCIA DOS POETAS...

UNIVERSO AGRACIADO

Falemos de arte e da essência dos poetas. Busquemos os enigmas dos aprisionados em seus íntimos, interiores... dos consumidos dentro de si; cerceados de espaço e oportunidades. Em pleno universo de evoluções tecnológicas. Mergulhemos e libertemos este ser reluzente de arte... amedrontado, inseguro, indefeso; revelemos ao mundo, estes novos seres e seus mais belos filhos... suas belas artes! Ganhando corpo, espaço... Existência em nosso meio:
- Renovemos e povoemos a terra... O universo. Criemos condições de libertarmos os aprisionados em si mesmos; por que, o quê os consumia:
- Suas frustrações, seus monstros interiores, seus horrores! São..., senão?!
Desejos de realização dos seus sonhos.
Os enigmas exorcizados... Novos seres serão materializados. Há que si, constituir um ambiente poético; seus belos filhos, que são suas artes, por condições favoráveis, favorecidas... num ambiente de qualidade de vida.
Pensamentos, palavras, ação...
Versos, prosas, notas...
Poemas, tom e som...
O que é necessário: - independência de criação...
Liberdade pra ARTE!
Seres resolvidos... Pessoas melhores!
Mundo melhor! Universo agraciado.

Luiz Eugênio - 17/06/2013