Seguidores

terça-feira, 30 de abril de 2013


A volta de um grande amor...!!!
 
  Poeta Cigano

Ah! Recordações me voltam, no tempo,
E, como se há séculos fosse e eu lá vivi,
Lamúrias, angústias, tudo era tormento,
E uma dor de ausência se fazia em mim!

Uma distante voz, cada momento, ouvia,
Meu coração adentrando, despedaçado,
Pela brisa vinha ela cambaleante e, fria,
Tais frágeis sussurros ali quase calados!

Mas hoje se fez essa tal voz, bela sinfonia,
Voltou meu amor, acabou minha agonia,
Dos meus braços fez agasalho, seu manto!

Ah, amor! Eu já não mais preciso chorar,
Tão somente, nesse instante, ora enxugar,
As dantes lágrimas de dor, do meu pranto!


“Poesias do Poeta Cigano”


(Cantinho do Poeta Cigano)

10 comentários:

Cliceli A.Kovalski disse...

é...
saudade de grandes amores são inesquecíveis...
Tive a sorte de ter o grande amor comigo, é triste quem não o possui, pra alguns não faz falta e pra outros é insuportável a dor da saudade...]
Olá.!
Passando para te visitar novamnte!
personalidadeinfiel.blogspot.com

Rita disse...

Meu amigo querido vim mais uma
vez agradecer sua presença sempre
carinhosa no meu Cantinho, dizer que essa poesia é maravilhosa, linda mesmo
Quanto ao selinho já levei e guardei
Peço desculpas por não ver ele ,fiz uma pagina só pra isso, mas não consigo, postar, deve ser erro no BLog mesmo
Mas logo estará td bem
Abraços com carinho
Rita!!!!

Existe Sempre Um Lugar disse...

Impossível vivermos a leste das recordações e das da saudades.

ag

Sonia disse...

Belos versos! Interessante como as dores de amor são inspiradoras, não? Adorei os versos:"as dantes lágrimas de dor" e "dos meus braços fez agasalhos, seu manto".
Já levei o selo para o "mattiva".
Abraço!
Sonia

Ingrid disse...

há momentos que jamais serão esquecidos..
assim como um amor..
beijo Poeta.

Carolina Carvalho disse...

ahm, nossas recordações, o que somos hoje é um reflexo dos atos praticados no passado! uma correte eterna e sem fim.
Mais uma vez está de parabens amigo.

Um enorme beijo,
Carol
www.blablablacarol.com

Cristina disse...

Maravillosa forma de plasmar tus sentimientos, hermoso poema de añoranza y felicidad!
Te dejo un fuerte abrazo, bonita noche!

Janice Adja disse...

Não consigo ter saudade de ninguém. Passou, passou.
Beijos!!

Lucinha disse...

Carlos,

Eu sempre comento nos blogs dos escritores que não entendo nada de poesia, mas amo ler e refletir sobre esse tipo de escrito.
Acho que viajo neles e me encaixo sempre em muitas histórias.
Recordar é viver.

Meus pais também moram no ES.
Lindo dia! Abraços

@@@FLORZINHA FELIZ SEMPRE@@@ disse...

POETA !!!

QUEM NÃO TEM SAUDADES... NÃO VIVEU UM MOMENTO INESQUECÍVEL... QUE
DEIXOU MARCAS NO SEU ♥!!!

MARAVILHOSO POEMA QUERIDO POETA SEMPRE ARRASANDO ♥,RSRRSRS!!
BJUS NA ALMA...SAUDADES!