Seguidores

quarta-feira, 20 de novembro de 2013

O Canto triste do Pássaro...!!!














Poeta Cigano

Canta um pássaro, a sua saudade,
Triste sinfonia, nos altos da rama,
Solitário, vive ele essa adversidade,
Pois lágrimas de dor, ele derrama!

E, pouco a pouco distante ele se vê,
Do amor que há tempos foi embora,
E tristeza maior, não poderia ele ter,
Com a falta da parceira nessa hora!

Também a sós, estou nesse momento,
Como o pássaro a minha dor é assim,
Solitário, também vivo esse tormento,
Pois era ela, tudo pra mim!!!!!!!!!!!!

POETA CIGANO -20/11/2013


“Poesias do Poeta Cigano”

25 comentários:

Cidália Ferreira disse...

Bom dia Poeta!

Soberbo, mas triste poema.
Que prazer me deu ler.Obrigado.

Abraço

http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

Dilmar Gomes disse...

Belo poema romântico, amigo Poeta.
Um abraço. Tenhas um bom dia.

Élys disse...

Um lindo poema, mas com um tom de tristeza.
Um abraço.

Laura Santos disse...

Um poema lindo, Carlos!
Fez-me lembrar até um soneto de Florbela Espanca sobre o canto do rouxinol.
O canto do pássaro no seu poema, como reflexo da dor que o poeta sente.
Gostei muito.
xx

Lia Noronha disse...

Cigano: somos mesmo pássaros repleto de sonhos..e poesias.nas asas....abraços carinhoso e obrigada pelo carinho no meu Cotidiano.
www.purapoesiaa.blogspot.com

Evanir disse...

Poeta. hoje entrei no outro blog seu lindo também.
Gosto muito dos seus poemas são envolventes nos faz recordar belas coisas da vida , que ficou nu passado distante.
Amigo obrigada pela sua visita beijos ,Evanir.

Vera Lúcia disse...


Olá Poeta,

Lindo poema. Nostalgia tocante.
Aprecio muito seus poemas, sempre regados de extrema sensibilidade.

Abraço.

Nequéren Reis disse...

Olá!!!, Deus te abençoe boa noite, amigo amei o poema mesmo triste mais prazeroso amei sucesso amigo.
Blog: http://arrasandonobatomvermelho.blogspot.com.br
Canal de youtube: http://www.youtube.com/NekitaReis

Arlete Mourige disse...

Oi ! Agradeço a vista ao meu blog.Poema lindo ,nostálgico e sensível.Bjs

Arlete Mourige disse...

Oi ! Agradeço a vista ao meu blog.Poema lindo ,nostálgico e sensível.Bjs

Arlete Mourige disse...

Oi ! Agradeço a vista ao meu blog.Poema lindo ,nostálgico e sensível.Bjs

Brisa Petala disse...

Oi amigo
Que maravilhoso poema mais achi um pouco trste.
Um feliz dia para vc,
"Esperança: é acreditar nas coisas boas que não se pode ver, e na expectativa pelo que virá somos impulsionados a seguir em frente."
Um abraço
Ana

Helena Medeiros Helena disse...

O pássaro e o homem... o amor que parte, o coração que fica chorando saudade!
O pássaro e o poeta... o amor em versos tristes que nos lembram amores perdidos, partidas, saudade!
E a música criando rimas soltas numa sonoridade triste que nos acompanha quando saímos, tentando ser felízes pela vida a fora... nem sempre é possível!
Ficam sorrisos e estrelas no desejo de que teu caminhar se faça mais leve, mais florido, e que versos doces e alegres venham florir teus poemas.
Com carinho,
Helena
http://helena.blogs.sapo.pt

Evanir disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Arione Torres disse...

Oi amigo, lindo, mas muito triste.
Tenha uma ótima semana, abraços.

Zilani Célia disse...

OI POETA CIGANO!
QUE BOM EU TER VINDO HOJE AQUI, PODENDO ASSIM, DESFRUTAR DA BELEZA DESTES VERSOS QUE TOCAM A ALMA AO LÊ-LOS.
ABRÇS
http://perfumeedesejo.blogspot.com.br/

GARDENIA disse...

Querido poeta duelen tus letras en la tristeza
Besos

Ritinha disse...

Lindo, lindo, lindo!!!
Bom começar o dia com algo tão gostoso de se ler.
bjs
Um excelente final de semana.
Um poeta que deixa a alma naquilo que escreve.
Ritinha

Marli Terezinha Andrucho Boldori disse...

O que dizer de uma construção tão bela. Fez uma analogia do pássaro com a sua solidão. O poeta sempre pode tudo, e você ousa escrever ousadamente. Parabéns! Grande abraço!

Ateliê Tribo de Judá disse...

Assim como o doce cantar do pássaro é a poesia do poeta, que encanta e faz sonhar com melodia que toca a alma.
bom final de semana.
beijos no teu coração.
Joelma

Teresinha disse...

Lindo!
Vou segui-lo deste lado.
Bom fim de semana.
Um abraço
Teresinha

Teresinha disse...

Lindo!
Vou segui-lo deste lado.
Bom fim de semana.
Um abraço
Teresinha

Elisabete disse...

Um poema cheio de emoção.
Abraços

Maria Rodrigues disse...

A melodia triste da saudade num poema maravilhoso.
Beijinhos
Maria

Pedro Luis López Pérez (PL.LP) disse...

Ese Pájaro que llora ausencias, distancias y separaciones, apoyado en la rama de ese árbol que lo cobija y que representa su esperanza para remontar el vuelo, al igual que ese Ser que se siente identificado con ese plumaje vacío con ganas de recuperar su movilidad y sus convicciones.
Precioso Poema, mi querido Amigo.
Me ha encantado.
¡¡¡Gracias por Estar y por Ser siempre en mi blog!!!
Abraços.